Como andar após retirar gesso: entenda o processo

como-andar-apos-retirar-gesso

Ficar imobilizado com gesso por um tempo não é muito legal. A vida fica bastante complicada quando temos a mobilidade afetada, e como andar após retirar gesso apesar de parecer fácil, pode tornar-se um processo doloroso.

Ao sofrer um acidente é comum pensar que a pior parte é se adaptar ao gesso. Realmente não é fácil, ter que viver com uma parte do corpo imobilizada.

Acontece que o que muitos desconhecem é que essa dificuldade não termina com a retirada do gesso. Algumas vezes, ali começa outro processo tão incômodo quanto o tempo de imobilização.

Por fim, se essa é a sua realidade, vamos tratar desse assunto aqui, onde você deve ficar atento até o final, para ver o processo que vai precisar passar.

Como andar após retirar gesso

Antes de começar explicar o possível processo que você vai precisar passar, é importante dizer que alguns fatores são determinantes nessa resposta.

Dessa forma, a sua recuperação vai depender pelo menos de 3 fatores:

Tipo de fratura

Tempo de imobilização

Aspecto físico do paciente

Apesar desses fatores, é possível afirmar que ainda exista pela frente uma média de 3 meses de tratamento ou recondicionamento para ficar totalmente recuperado.

Esse processo de recuperação, vai depender muito de seu esforço pessoal, mas, independente de qualquer coisa esse tratamento costuma ter 3 fases, acompanhe.

Para nosso exemplo vamos ilustrar com uma lesão na perna, claro que esse tratamento muda de acordo com o membro afetado.

Como andar sem o gesso: 1a Fase – as muletas

Como seria bom tirar o gesso e já partir para a vida normal, mas infelizmente não é assim que funciona as coisas.

O tempo que o membro ficou imobilizado, que aqui estamos usando a perna como exemplo, ele fica fragilizado em sua musculatura, entenda que não são somente os ossos que sustentam seu peso.

Na verdade, a musculatura tem um papel super importante, e ela precisa ser recomposta.

Dessa forma, no primeiro passo de como andar após retirar gesso, saiba que as muletas têm um papel especial nessa recuperação, pois no início elas vão sustentar o peso de seu corpo, protegendo sua perna desse esforço.

Com um tempo você será orientado pelo seu fisioterapeuta a tirar uma muleta, pois sua perna já está se fortalecendo.

Até o ponto de retirar de vez as muletas, e firmar seus passos sem ajuda, mas até lá tem ainda um processo simultâneo, veja a seguir.

Como andar sem o gesso: 2a Fase – Fisioterapia

Não veja as fases como procedimentos sucessivos, na verdade será o tratamento do fisioterapeuta que vai te livrar das muletas.

Então, fique certo que depois do gesso você entra nessas duas fases de forma simultânea.

Seu fisioterapeuta vai fazer sua perna voltar, em seu tempo, a recuperar a mobilidade

Os exercícios, que para quem não tem problemas parecem simples, são essenciais para refazer a musculatura básica do membro imobilizado.

Essa é uma das partes mais importantes no processo de como andar após retirar gesso.

Como andar sem o gesso: 3a Fase – Academia

Agora sim é uma fase subsequente, depois que você receber alta da fisioterapia, deve ingressar na academia.

Parece um processo lento, mas todo esse cuidado é importante para que novas lesões ou fraturas venham ocorrer por falta de preparo.

Porque academia? 

É na academia que seus músculos afetados possam ser recompostos e voltar a ter a mesma força de antes.     

A musculatura tem um papel definido na proteção do esqueleto humano, portanto deve estar bem e em harmonia com o funcionamento do corpo.

No tempo que a perna esteve imobilizada a musculatura parou de exercer seu papel, então enfraqueceu por falta de utilidade.

Considerações finais

Bem, esse é um processo padrão de como andar após retirar gesso.

E, você, caso esteja nessa situação, quais das fases será aquela que mais se enquadra no seu status atual?

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest