Só mais um site WordPress

Ostarine para que serve e os efeitos colaterais?

Para quem tem o costume de malhar de forma constante, é normal ficar de olho a respeito dos compostos que são lançados no mercado, a fim de melhorar os resultados obtidos através da musculação. E, dentre eles, um que tem chamado bastante a atenção é o ostarine.

É fato que, se formos considerar todas as demais alternativas que existem, ele não é dos mais conhecidos. No entanto, de forma alguma isso quer dizer que ele não vale a pena ou que os seus benefícios são limitados, por exemplo. Na verdade, é bem pelo contrário.

Afinal de contas, o ostarine é um composto muito versátil. Através dele, você pode fazer quase tudo o que quiser. Dizemos isso porque é possível utilizar desse composto para ganhar massa agradável, isto é, muscular.

Mas não é só isso. Há vezes em que você está pronto para iniciar outro ciclo de cortes, mas precisa de alguma coisa que mantenha a sua massa muscular magra, além de dar uma aparência um pouco mais rígida, sem reter água.

O ostarine também é capaz de oferecer esse resultado. Por conta desse fato, acaba tornando o MK-2866 (como também é chamado) um SARM que é capaz de se adaptar a uma ampla gama de pessoas, não apenas aos que desejam aumentar a massa muscular.

Além do mais, o seu efeito anabólico acaba o tornando um composto útil não apenas por si só, mas também por conta de a sua utilização ser mais ampla, como para aqueles que usam anabolizantes, mas que querem dar um passo extra na retenção de ganhos musculares.

Mas será que o ostarine é mesmo confiável? Se sim, qual é a forma mais adequada para fazer o seu uso ou, ainda, quais são os seus benefícios? É sobre isso que iremos falar neste artigo.

O que é Ostarine?

Ostarine para que serve
Ostarine para que serve

 

Em suma, o ostarine nada mais é do que um produto que faz parte da categoria dos SARM, ou modulador seletivo dos receptores androgênicos. Isso quer dizer que ele tem substâncias que ajudam o metabolismo.

Ou seja, ele é capaz de estimular o anabolismo que, aos que não sabem, nada mais é do que o processo no corpo que permite a construção dos músculos. Esse é o motivo pelo qual o seu uso é mais comum para aqueles que costumam ter um ritmo de treino mais intenso.

Uma coisa que é importante salientar, no entanto, é que os SARMs, diferente daquilo que ocorre com os anabolizantes, não se convertem no hormônio estrogênio. Afinal de contas, eles não são esteroides e, por isso, a ação não ocorre da mesma forma que a testosterona.

Ademais, o ostarine não visa estimular, de forma seletiva, o crescimento da musculatura esquelético e, em razão disso, não sustenta os devidos efeitos colaterais. É por conta desse mecanismo que, quando o produto começa a alcançar os receptores, há um estímulo na produção de crescimento nos tecidos.

Ele também é útil para montar e cortar, uma vez que tem efeitos anabólicos diretos. Então, se liga com receptores de androgênio apenas nos músculos e nos ossos. Fora isso, ele não aromatiza ou mesmo converte estrogênio e DHT.

Assim, apesar de oferecer todos os resultados do anabolizante, ele não oferece os efeitos adversos. Contudo, isso não quer dizer que o ostarine não causa outros efeitos, pois ele causa sim. Mas, no geral, trata-se de uma alternativa bem segura, desde que usada da forma correta.

É por razões como essas que os SARMs se tornam uma das melhores opções para aqueles que são fisiculturistas, atletas ou qualquer um outro que queira aumentar o seu desempenho e ter uma melhoria física.

Para que serve Ostarine?

O que é ostarine e para que serve são as duas principais dúvidas a respeito desse composto. Mas, como você pôde ver no tópico seguinte, o principal intuito é tratar a perda muscular, além de garantir o crescimento dos músculos.

Ademais, o composto também é capaz de garantir outros benefícios, como o fato de promover a queima de gordura e vários outros. No entanto, o seu foco mesmo é fazer com que a pessoa tenha um ganho na sua musculatura.

Falando de forma resumida, a ostarine é um ativo com ação dez vezes mais potente que a testosterona, mas que não causa efeitos colaterais mesmo para as mulheres. O composto ainda aumenta a massa magra e a força de forma natural.

E isso só acontece devido ao fato de ostarine ser capaz de otimizar a síntese de proteína e se ligar aos receptores androgênicos. Além disso, para problemas que se relacionam à perda de massa muscular, o composto pode ser de grande ajuda.

Nesse caso, é possível incluir problemas como a sarcopenia e a atrofia muscular. Além disso, seu uso pode ser benéfico em casos de terapia para reposição hormonal da testosterona, por exemplo.

Ostarine e ganho de massa muscular

Ostarine para que serve? Apesar de tudo o que falamos acima, não podemos deixar de salientar que o seu uso é mais comum para aqueles que querem, de alguma forma, ganhar massa muscular, haja vista que também ajuda a evitar a perda da musculatura.

Além do mais, favorece o crescimento. O ostarine ainda é capaz de gerar a produção da atividade anabólica e da hipertrofia muscular. Dessa forma, acaba por garantir uma melhor estimulação da síntese proteica, o que resulta no célere crescimento muscular.

Por essas e por outras razões que muitos o consideram como um dos produtos mais potentes, a partir de uma perspectiva de ganho muscular. Afinal, também auxilia no combate às gorduras do corpo e ajuda a moldar e esculpir os músculos.

E, no que tange o processo de cicatrização do músculo, a ostarine também traz benefícios, além de promover maior resistência física, o que lhe permite com que os seus músculos se tornem ainda maiores.

Benefícios de Ostarine

Outra coisa que você deve saber antes de fazer a sua compra é sobre os benefícios do ostarine. O que ele de fato é capaz de fazer pelo seu corpo? Fato é que alguns de seus benefícios são bem parecidos com os dos anabolizantes.

No entanto, ele age de uma forma bem diferente para poder oferecer os mesmos objetivos, sem que haja tantos efeitos colaterais. E, ainda que nenhuma substância se compare com a potência dos melhores anabolizantes, o ostarine oferece benefícios bem interessantes.

Afinal de contas, ele é capaz de aumentar os processos críticos de retenção de nitrogênio e síntese proteica. Além disso, o composto pode aumentar o IGF-1, o que contribui para maior força e ganhos musculares.

Fora isso, dentre outros benefícios do suplemento com ostarine, citamos os seguintes:

Ganho de músculos magros

De todos, esse é o principal motivo pelo qual as pessoas resolvem fazer uso do produto, e não é para menos. Afinal de contas, há grandes evidências de que o produto é uma ótima forma para promover o crescimento da massa magra.

É claro que, se comparado com os anabolizantes, você não vai ganhar o mesmo nível de massa. No entanto, o ostarine oferece ganhos de qualidade e sem nenhum fluido. Ou seja, não há massacre de seus ganhos com inchaço, fluidos ou ginecomastia.

Recuperação muscular

O ostarine ainda é capaz de estimular a reparação do músculo depois de exercícios mais intensos. E, quanto mais rápido você se recupera, quanto antes pode chegar no próximo treino e fazer com que os ganhos ocorram mais rápidos.

Ossos

Devido ao fato de aumentar a densidade mineral óssea, o ostarine mantém a saúde dos ossos em dia, protegendo contra fraturas, por exemplo.

Além disso, o composto pode aumentar um pouco a quantidade de estrogênio nos homens, mas não é algo a se preocupar. Afinal, ele é essencial para que a saúde óssea se mantenha em dia e estável.

Juntas

Como dito acima, o ostarine aumenta um pouco o nível de estrogênio o que, para os homens, pode soar estranho. Mas calma. Ainda que muito se fale sobre o fato de ser um hormônio feminino, ele é importante para ambos os sexos.

Para os homens, esse hormônio tende a melhorar a saúde das articulações, o qual é um grande benefício para qualquer um atleta ou fisiculturista. Fora isso, é válido destacar que o estrogênio do ostarine não é causado pelo processo de aromatização, ou seja, que converte a testosterona em estrogênio.

Devido a esse fato, também se torna uma boa opção para quando se está em uma dieta restritiva de cortes, onde algumas pessoas tendem a sentir um pouco de desconforto nas articulações. Ademais, ajuda a treinar de forma mais intensa.

Isso quer dizer que, independente do seu perfil ou mesmo dos seus objetivos, o ostarine vai manter as suas articulações mais saudáveis, que é a base para todos os movimentos que se faz no dia a dia, seja para correr, andar, carregar peso etc.

Coração

Existem algumas evidências, ainda em estágio inicial, que demonstram que o ostarine tem um potencial de ajudar na saúde do nosso coração, uma vez que ele tende a reduzir os níveis de lipídios, o que elimina a chance de desenvolver uma série de problemas no coração.

Benefícios do fisiculturismo

O composto aumenta a atividade anabólica e, por essa razão, ele tende a aumentar a síntese de proteínas e na retenção de nitrogênio, da mesma forma que muitos anabolizantes. Então, é possível utilizá-lo para esse fim.

Além disso, como já dito, fortalece a saúde das articulações, um efeito muito positivo para tratar a osteoporose. Por consequência, ajuda a manter o treino por mais tempo e com mais força, haja vista que os ligamentos estarão mais fortalecidos.

Como tomar Ostarine

Outra dúvida que devemos responder antes de você resolver comprar o produto é sobre como tomar ostarine. Quanto a isso, você deve seguir aquilo que está descrito na bula, isto é: tomar apenas 1 cápsula em jejum com água até duas vezes ao dia.

Isso acontece porque o composto tem tempo de meia vida, ou seja, dura 24 horas. Então, é necessário usar apenas uma vez ao dia, de preferência de estômago vazio, pela manhã. Caso queira aumentar ainda mais os resultados, não é proibido fazer uso de duas cápsulas, mas não passe disso.

Afinal de contas, quando em excesso no corpo, a substância pode ocasionar em alguns efeitos contrários. Ademais, o seu ciclo é de 4 a 6 semanas, sendo necessário fazer uma pausa de 2 semanas, a fim de descansar um pouco o seu corpo.

Quais os efeitos colaterais de Ostarine?

É válido salientar que, quando utilizado da maneira incorreta, em altas doses, o ostarine pode sim ter alguns efeitos negativos. Nesse caso, pode haver o mesmo problema que é possível enxergar em anabolizantes: supressão da produção natural da testosterona.

Agora, quando se utiliza a substância em um período mais curto e em baixa dosagem, é muito difícil que ocorra esse efeito. E, ainda que os SARMs não aromatizem, há evidências de que pode ocorrer leve aumento no estrogênio. Fora isso, dentre os principais efeitos colaterais, podemos citar:

Efeitos colaterais estrogênicos

Ainda que haja atividade aromatizante, o ostarine pode aumentar os níveis de estrogênio em uma pequena quantidade. No entanto, como é uma quantidade bem pequena, não será necessário fazer uso de algum medicamento antiestrogênico.

E, de fato, isso pode trazer alguns benefícios para os homens, haja vista que eles também precisam de pequenas quantidades desse hormônio. Nesse caso, eliminar todos os estrogênio pode provocar um desequilíbrio hormonal.

Efeitos colaterais androgênicos

Em contrapartida, há também os efeitos androgênicos. No entanto, diferente de outros compostos, acne e perda de cabelo não são um problema. E isso acontece devido ao fato de o ostarine ser mais específico nos receptores aos quais se liga.

Dessa forma, não ocasiona em problemas tão negativos quanto os anabolizantes. No entanto, mulheres que fazem uso dessa substância correm o risco de ter algumas características mais masculinas, como aumento da voz e crescimento do cabelo.

Colesterol

Não podemos deixar de falar a respeito desse efeito colateral também. Mas, se formos comparar com outros anabolizantes, os quais costumam causar impactos mais sérios, é possível considerar o efeito do ostarine apenas moderado.

Mas, ainda assim, ele acontece. Em algumas pessoas, ele pode reduzir os níveis de colesterol bom, apesar de que, na grande maioria das pessoas, é um tanto improvável disso acontecer.

Comentários estão fechados.